Tem que comer em Natal - Blog 123Milhas
Tem que comer em Natal

Tem que comer em Natal

22 de outubro de 2021

Você sabia que os nascidos no Rio Grande do Norte são chamados de potiguar? Este termo vem do tupi, e significa “aquele que come camarão”. Já dá para imaginar qual alimento é popular na gastronomia local, né? Pensa num lugar que sabe preparar camarão! Todavia, vários outros pratos compõem a gastronomia de Natal, a capital do estado. Muito rica em temperos, ingredientes e sabores, a culinária natalense é única e inesquecível. Vem com a gente descobrir tudo o que você tem que comer em Natal!

Camarão

De antemão, vamos começar com o protagonista? Em quase todos os restaurantes, bares e quiosques de Natal, você encontrará camarão. Seja frito, empanado, ao alho e óleo, dentre diversos outros preparos, os pratos são sempre deliciosos. 

Bobó de camarão é um prato muito famoso em Natal.

Entretanto, o queridinho é o bobó de camarão! Esta clássica receita veio junto com os povos africanos, e tomou espaço na culinária brasileira. A consistência cremosa do bobó de camarão combina perfeitamente com um arroz soltinho. Frequentemente vem acompanhado de farinha, batata palha e salada verde. Delícia! 

Além do bobó, o camarão também pode aparecer em strogonoff, moqueca, risoto, com massas e outras receitas. Tem que comer em Natal! 

Camarão combina muito com risoto.

Restaurante Camarões

O Restaurante Camarões é um dos mais tradicionais, com quatro unidades na cidade. Duas ficam em Ponta Negra, o Camarões Restaurante e Camarões Potiguar. Em shoppings, há o Camarões Midway Mall e o Camarões Natal Shopping.

O cardápio é muito variado, com muitas opções do crustáceo, claro. Todavia, eles também oferecem peixes, frutos do mar e filé. Com porções generosas e preço justo, vale a pena conhecer! 

Para quem preferir buffet ao invés de à la carte, a unidade do Midway Mall oferece esse formato. 

Nau Frutos do Mar

O Nau Frutos do Mar, no bairro Cidade Jardim, é uma boa opção para quem quer um lugar sofisticado. Além dos pratos com camarão, que são muitas opções, também há frutos do mar e carnes. O polvo e a lagosta são muito elogiados. É até difícil escolher! Você pode optar pelo menu do chef, que vem com entrada, prato principal e sobremesa já pré-estabelecidos. É uma oportunidade para experimentar uma refeição completa por um preço mais acessível.

Yuru

O Yuru é outra opção para quem quer comer camarão de qualidade. O restaurante fica no Hotel Golden Tulip, em Ponta Negra e tem uma vista lindíssima para o mar. O menu é excelente, com ingredientes locais e sabores marcantes. Além de almoço e jantar, também servem café da manhã. 

Crédito: Yuru Restaurante.
Você encontra camarões em vários bares, restaurantes, quiosques, etc.

Caranguejo

O caranguejo é outro fruto do mar que faz parte da culinária natalense.

Bem como o camarão, o caranguejo é muito popular em Natal. Você encontra facilmente em restaurantes, bares e quiosques, e com receitas variadas. Uma das mais populares é a caranguejada, juntamente com a casquinha e o arroz de caranguejo. Você também pode comer com massas, risotos, bolinhos ou com outros preparos. 

Barramares

O restaurante no Barramares, na Praia do Cotovelo, já chama a atenção à primeira vista. No topo da entrada, há uma estátua enorme de um caranguejo. Bem convidativo para os amantes do alimento. 

Com vista para o mar, tem menu variado e vários drinks. É um bom lugar para comer petiscos de caranguejo, camarão e peixe, e beber uma cerveja gelada apreciando a vista. Para quem tem crianças, é um ótimo local. Além da praia, que já é um atrativo, ainda tem um parquinho. 

Baião de Dois

O baião de dois é um prato simples, mas delicioso. Os elementos principais estão sempre presentes nas mesas brasileiras: arroz e feijão. O diferencial desta iguaria é que o arroz é cozido no caldo do feijão. Alguns temperos e outros ingredientes são adicionados para dar mais sabor, e pronto! É comum que também seja adicionado carne seca, que faz muito sucesso em Natal. 

A base do Baião de Dois é arroz e feijão.

Marenosso

“Baião de dois de outro mundo”. É assim que muitos definem o prato no Marenosso Restaurante. O bolinho de macaxeira com carne de sol também é uma grande estrela. Com comida boa, preços justos e porções generosas, é uma ótima opção para almoçar. 

Carne de Sol

A carne de sol acompanha muitos pratos.

Carne de sol é um dos alimentos que você tem que comer em Natal! É feita com alguma carne bovina, e adiciona-se uma fina camada de sal. Depois disso, basta colocar em um local coberto e ventilado para secar. Além de deliciosa, essa carne tem maior durabilidade. 

Pode ser comida tanto em pedaços quanto desfiada, e também serve de recheio para bolinho ou escondidinho, por exemplo. 

Paçoca de Carne de Sol

Paçoca nem sempre é o doce de amendoim.

Muitas pessoas estranham o nome desse prato. Paçoca não é aquele doce de amendoim? Sim, mas nem para todo mundo. Se você estiver no nordeste, por exemplo, a palavra paçoca irá primeiramente remeter a um prato típico da região. A paçoca é um tipo de farofa, feita com farinha de mandioca. Em Natal, ela é preparada junto com muita carne de sol. É um acompanhamento bem comum. Pode vir com arroz, feijão, carnes, saladas e alimentos diversos. Em alguns lugares, vem com queijo coalho. Delícia!

Feijão verde 

O feijão verde faz parte da culinária local.

O feijão é típico do Brasil e tem muitas variações. Em Natal, o feijão verde é um dos queridinhos, e sempre conquista os turistas. Algumas receitas adicionam queijo coalho e requeijão para ficar cremoso. Geralmente, ele acompanha carne de sol, arroz de leite e vinagrete. Pode experimentar sem medo!

Arroz de leite

Não confunda o arroz de leite com arroz doce!

O arroz de leite é um dos “melhores amigos” da carne de sol. Apesar de levar leite na composição, e às vezes até lembrar a sobremesa arroz-doce, este prato é salgado. Fique atento para não confundir!

Por ser bem cremoso, ele costuma acompanhar alimentos mais secos, principalmente carne de sol. Também é comum com alguns tipos de peixes e camarão. 

Escondidinho

O escondidinho é feito com purê de macaxeira e algum recheio, como carne de sol.

Você verá muito escondidinho nos cardápios natalenses. Um dos recheios mais comuns é a carne de sol, mas você também pode encontrar com camarão, frango ou outros ingredientes. 

É bem simples! São duas camadas de purê de macaxeira, com bastante carne de sol no meio. Para ficar ainda mais gostoso, muitas pessoas colocam algum queijo por cima e levam ao forno para gratinar. 

Ginga com tapioca

Ginga é um nome regional para o peixe manjuba.

A tapioca é um ingrediente do cotidiano dos nordestinos. Em Natal, o jeito mais comum de comer é com ginga, um nome popular para o peixe manjuba. Este prato é tão famoso que foi reconhecido como patrimônio imaterial do estado. 

Não tem muito segredo. A ginga é preparada assada, grelhada ou frita. A tapioca é feita do jeito mais conhecido. Coloca-se a farinha em uma frigideira e espera virar uma espécie de panqueca. Apesar de simples, esta combinação é deliciosa e vale a pena experimentar.

Cuscuz 

O cuscuz pode ser comido em todas as refeições, inclusive no café da manhã.

O cuscuz é muito consumido no nordeste, e não fica de fora da culinária natalense. É uma espécie de bolo feito com massa flocada de milho. Pode ser comido puro, com recheio ou como acompanhamento. Algumas pessoas fazem o cuscuz doce, adicionando leite de coco e adoçando a mistura. 

É muito comum rechear com carne e frango, ou então comer junto com carne de sol, queijo coalho e outros alimentos. É um prato muito versátil, servido em todas as refeições, inclusive no café da manhã. 

Arroz doce

O arroz doce é uma sobremesa deliciosa.

Já falamos do arroz de leite, agora vamos de arroz-doce! Essa sobremesa é uma iguaria que você tem que comer em Natal! É feito com arroz branco, leite e leite condensado. Fica ainda melhor com canela em pau ou polvilhando canela em pó por cima. Experimente, não vai se arrepender!

Vamos combinar que a gastronomia natalense é um motivo enorme para visitar a cidade. Quer saber mais sobre? Vem aqui ver tudo o que você tem que conhecer em Natal

 

Drones

inscreva-se para receber ofertas exclusivas!

inscreva-se para receber ofertas exclusivas!